Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Abel Cosme devolve dinheiro ao Estado

O presidente do Conselho de Administração da Empresa de Transportes Públicos de Luanda (TCUL), Abel Cosme, extraditado de Portugal tem vindo a devolver ao Estado os valores de que se apossou e aguarda a conclusão da investigação em liberdade.

Essa informação foi divulgada pela Procuradoria-Geral da República (PGR), que infelizmente não revelou quais os valores em causa e qual o montante já foi devolvido, mas salietando que Abel Cosme foi extraditado por suspeitas de ter cometido peculato quando era director da  Unicargas.

Do interrogatório efectuado ao arguido constatou-se que, o mesmo vem devolvendo os valores de que se locupletou do Estado, mediante transferências bancárias para a conta do Banco Nacional de Angola”, revela o documento.

MAIS: Antigo gestor da TCUL posto em liberdade

De informar que Abel Cosme é um dos implicados no “Caso CNC” que terminou com a condenação do ex-ministro dos Transportes, Augusto Tomás, a 14 anos de prisão, pelos crimes de peculato, branqueamento de capitais, associação criminosa e artifícios fraudulentos para desviar fundos do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.