Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Cidadão detido por assassinar a noiva com 15 golpes de faca

Um cidadão de 26 anos foi detido, terça-feira (19), pelo Serviço de Investigação Criminal do Uíge, por ter assassinado a sua noiva, Dinamene Manuel, de 21 anos, desferindo vários golpes de faca de cozinha.

O porta-voz do Serviço de Investigação Criminal (SIC-Geral), superintendente Manuel Halaiwa, explicou que o crime, que chocou a sociedade, ocorreu por volta das 21h30 da passada quinta-feira no bairro Mbemba Ngango (Uíge). Explicou que Dinamene Manuel ,depois de um tempo de namoro, decidiu terminar a relação com o seu namorado, que acreditava que a malograda tinha outro relacionamento, razão que o terá levado a desferir 15 golpes de faca em várias regiões do corpo. O actor do crime será apresentado ao Ministério Público para tratamento subsequente do processo criminal.

MAIS: SIC recupera imoveis no Zango 5 em Luanda

De informar ainda que em Mbanza Congo (Zaire) foram apresentados, na última segunda-feira, 18 cidadãos, com idades entre os 16 e 30 anos, envolvidos em crimes de  roubo, furto, ofensas corporais, alteração de armas e munições proibidas.  O porta-voz do SIC, Manuel Halaiwa, disse que os cidadãos foram detidos no âmbito das operações realizadas com a Polícia Nacional, para se manter o sentimento de segurança dos cidadãos.

Na sequência das operações, dois perigosos grupos denominados “Os da Paz”  e “Amargurados”, que realizavam assaltos na via pública e em residências de diversos bairros dos municípios de Mbanza Kongo e Kuimba foram detidos.  Dois líderes dos referidos grupos, já apresentados, publicamente, são mais conhecidos por “Muana Mer” e “Moyibi Tchombo”, respectivamente. A Polícia de Guarda Fronteiras apreendeu, no Soyo (Zaire), oito embarcações de fabrico artesanal, provenientes da República Democrática do Congo (RDC), para pesca ilegal nos mares da região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.