Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Missão do Bongo constrói Campus Universitário na provincia do Huambo

Um Campus Universitário, com capacidade de albergar perto de três mil estudantes, vai ser construído pela Igreja Adventista do Sétimo Dia, na Missão do Bongo, na província do Huambo, garantiu, ontem(26/8), o coordenador do referido projecto.

O pastor Domingos Sukina explicou que o Campus Universitário, a ser erguido no município do Longonjo, vai dispor de 40 salas de aula e igual número de casas para professores e funcionários não docentes, dez laboratórios, quadras desportivas, dormitórios, bibliotecas físicas e virtuais.

Durante a apresentação do esboço de arquitectura do Campus à governadora provincial do Huambo, Lotti Nolika, durante uma visita, quarta-feira, à Missão do Bongo, o pastor disse que passos já foram desencadeados para a materialização do projecto.

Neste momento, revelou que o Ministério do Ensino Superior já aprovou duas fases importantes de legalização do projecto, que passa pela constituição do Instituto Superior Adventista do Bongo, abreviado por ISPAB, e a aprovação dos cursos de Economia, Ciências da Educação (para professores do ensino primário), e de Computação.

MAIS: Ensino superior com mais de 150 mil vagas para o ano académico 2021/22

Para já, referiu que a terceira e última fase tem a ver com a institucionalização do Instituto Superior Adventista do Bongo, que deve ser submetido à apreciação do Conselho Ministros e posterior publicação em Diário da República. Enquanto decorre o projecto do Campus Universitário, na Missão do Bongo funciona a Escola Superior de Teologia, onde já foram formados 285 pastores.

A governadora provincial considerou o projecto do Campus Universitário da Missão do Bongo como uma missão bastante ambiciosa, uma vez que vai contribuir para a formação dos jovens, daí incentivar a direcção da Igreja Adventista a continuar a ajudar no desenvolvimento do país.

Lotti Nolika frisou que a visita à Missão do Bongo enquadra-se na “solidificação dos laços existentes” entre a Igreja Adventista e o Estado, visando a encontrar novas estratégias de apoio, dar resposta às dificuldades constatadas e melhorar as vias de acesso ao local.A Missão do Bongo, além da formação teológica ministrada na Escola Superior, possui uma escola do ensino geral, de 21 salas de aula, que está à espera de apetrechamento, e um hospital.

O sector do Bongo é considerado o berço da Igreja Adventista do Sétimo Dia, cuja missão se estendeu, depois em todo o território nacional, com serviços sociais, principais na área hospitalar e do ensino.Neste momento, a Missão do Bongo, fundada em 1924,pertencente à Igreja Adventista do Sétimo Dia,  ocupa uma área de 624 hectares, dos quais 200 são utilizados para a agricultura.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.