Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Novo Presidente do Irão quer levantar sanções económicas impostas ao País

Ebrahium Raissi, que tomou posse hoje como o mais recente Presidente do Irão, disse que vai tentar levantar  as sanções impostas pelos Estados Unidos no seu país, mas não espera o apoio “dos estrangeiros” para melhorar a situação económica do Irão.

Raissi, de 60 anos e que foi antigo chefe da Autoridade Judiciária iraniana, tomou posse para um mandato de quatro anos, após a eleição ter sido aprovada pelo líder supremo, ‘ayatollah’ Ali Khamenei

“Vamos certamente procurar levantar as sanções opressivas mas não vamos submeter a vida da nação à vontade dos estrangeiros”, informou Raissi na cerimónia oficial de tomada de posse.

MAIS: Filho do ex-líder líbio Muammar Kadhafi pretende candidatar-se a presidência do país

Em 2018 os Estados Unidos abandonaram unilateralmente o tratado e voltaram a estabelecer novas sanções ao Irão, o que afetou drasticamente a situação económica e social do país.

“Acreditamos que a situação económica não é favorável para o povo, tanto pela posição dos inimigos como pelas carências e problemas internos do país”, disse Raissi.

“As carências e os problemas são numerosos”, disse o ‘ayatollah’ Khamenei na mesma cerimónia que decorreu de forma restrita devido às medidas contra a propagação do novo coronavírus.

“Mesmo assim, resolver os problemas económicos demora tempo”, acrescentou Khamenei apelando ao novo Presidente e ao Parlamento para a formação de um novo governo o mais rápido possível.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.