Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Olimpíadas de Tóquio em risco de acontecer com portas fechadas

Olimpíadas de Tóquio ainda podem acontecer com portões fechados, onde os organizadores estão inclinados a banir os espectadores de partidas noturnas e eventos de grande porte.

Os organizadores das Olimpíadas de Tóquio estão inclinados a banir os espectadores de partidas noturnas e eventos de grande porte, de acordo com o relato do jornal japonês Yomiuri, nesta sexta-feira. A possibilidade vem à tona em meio a preocupações persistentes sobre a disseminação da Covid-19 apenas três semanas antes do início dos Jogos.

As pesquisas mostram que a maioria dos japoneses se opõe à realização das Olimpíadas, dadas as advertências de especialistas em saúde de que isso poderia desencadear outra onda de infecções. Os jogos estão programados para começar no dia 23 de julho, após um ano de atraso devido à pandemia.

Os prefeitos das cidades de Chiba e Saitama, perto de Tóquio, já pediram aos organizadores que proibissem espectadores em eventos noturnos em suas localidades. O pedido deles está sendo discutido e uma decisão será tomada em reuniões incluindo o governador de Tóquio, o chefe do Comitê Olímpico Internacional (COI) e o chefe de Tóquio 2020. As negociações serão realizadas em 8 de julho, disse a agência de notícias Kyodo.

O governo também deve fazer uma ligação na próxima semana sobre a suspensão do estado de “quase emergência” em Tóquio e em outras partes do país.

Os organizadores se comprometeram a tornar os Jogos “seguros e protegidos”, argumentando que outros grandes eventos esportivos foram realizados com segurança.

Embora tenham banido os espectadores estrangeiros, eles decidiram até agora limitar o número de espectadores locais a 10 mil por evento nos Jogos, ou 50% da capacidade, apesar de especialistas médicos dizerem que nenhum espectador seria a opção “menos arriscada”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.