Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Postos de vacinação registam enormes enchentes de jovens na capital do país

Os Postos de Vacinação de Alto Rendimento (PVAR), em Luanda, registam nos últimos dias uma grande adesão de jovens para serem inoculados com a primeira e segunda dose da vacina contra a Covid-19, pelo que se pode ver nos mesmos locais.

Nos postos de vacinação do Porto de Luanda, Escola Nacional de Saúde Pública e do Campus Universitário da Universidade Agostinho Neto, abertos ontem, centenas de pessoas perfiladas aguardavam ansiosamente para serem vacinados.

O coordenador do posto instalado na Faculdade de Engenharia da Universidade Agostinho Neto, Caetano Miguel, manifestou satisfação pela grande adesão, principalmente de jovens que logo pela manhã estavam em grande número no portão.

Referiu que a grande adesão da juventude, sobretudo que se regista nos vários postos a nível de Luanda, é sinal de que a juventude está informada sobre gravidade da Covid-19 e da necessidade de serem imunizados.

MAIS: Luanda ganha mais quatro postos de vacinação

Segundo o responsável, a apresentação obrigatória do certificado de vacinação para o acesso a serviços a partir do dia 15 deste mês, é um dos factores que impulsionou a juventude aos postos de vacinação. “A obrigatoriedade de certificado de vacinação imposta pelo Executivo está a surtir efeitos positivos, em todos os postos de vacinação de Luanda“, referiu  Caetano Miguel.

O posto da Faculdade de Engenharia da Universidade Agostinho Neto, frisou o coordenador, está a administrar a vacina da Pfizer e tem  capacidade de imunizar, diariamente, mais de três mil pessoas desde que tenham em mãos as suas fichas.

Por outro lado, Frances Mateus, coordenador do PVAR do Porto de Luanda, informou que  50 técnicos,  entre enfermeiros, médicos, voluntários e agentes da Polícia Nacional  garantem a vacinação em ordem.

Informou ainda que o posto, instalado no terminal dos Catamarãs,  tem capacidade para imunizar três mil pessoas por dia e está aberto de segunda a sábado, das 8 às 17 horas.

Efectivos da Polícia Nacional, Protecção Civil e Bombeiros e do INEMA estão presentes nos postos de vacinação Porto de Luanda, Escola Nacional de Saúde Pública e do Campus Universitário da Universidade Agostinho Neto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.