Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Taça de Angola: FAF suspende clubes faltosos

O Conselho de Disciplina da Federação Angolana de Futebol (FAF) deliberou a suspensão por período de duas épocas desportivas sem competir na Taça de Angola aos dez clubes que anunciaram a desistência da prova, na temporada de 2023/24.

Segundo o comunicado da FAF número 18/SG/24, a que ANGOP teve acesso, trata-se do Guicosse FC, Ferrovia do Huambo, Santa Rita do Uíge, Sporting do Bié, Recreativo do Libolo, União de Malanje, Sporting de Cabinda, Cacuso FC, Luanda City e Atlético Sport Kalonji FC.

A nota refere que face à desistência, as equipas averbaram derrotas nos respectivos encontros, além de serem punidas com multa fixada em dobro no valor de 24.000 UCF, equivalente a 2.112.000 (Dois milhões e cento e doze mil kwanzas).

O órgão reitor do futebol angolano acrescenta que, o pagamento deve ser efectuado na tesouraria, no prazo de 20 dias, a contar da notificação, sob pena dos clubes verem agravada o valor da multa em 50 por cento.

O Conselho de Disciplina da FAF decidiu abrir um processo disciplinar contra o director desportivo do Desportivo da Lunda-Sul, Roberto Cambundo “Bebeto”, por ofensas corporais. Em causa, estão a gravidade dos factos ocorridos durante a disputa do jogo referente a 22.ª jornada do Campeonato Nacional (Girabola2023/24) entre as formações do Desportivo da Lunda Sul e Petro de Luanda, no Estádio das Mangueiras.

O dirigente da equipa lunda foi expulso por ter agredido Felisberto do Amaral “Gilberto”, delegado ao jogo do conjunto petrolífero, com uma bofetada no rosto, momento antes do desafio, no corredor do balneário, facto que foi presenciado pelo comissário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *