Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

“Diário das Fabulosas”estreia no próximo mês

“Diário das Fabulosas” é o título da peça de teatro infanto-juvenil que a produtora Mentes Fabulosas estreia no próximo dia 6 de Agosto, na sala do Shopping Xyami, na urbanização Nova Vida, em Luanda.

O espectáculo, no estilo musical, que volta a ser exibido no dia seguinte à mesma hora e local, é uma peça encenada de Tony Frampênio, com produção executiva da  actriz e produtora Neide Van-Dúnem, autora do projecto.

A peça tem no elenco Amara Vasco, Ana Vandlopes, Ednara Conceição, Alzira Caluege, Christiana Neves, Judeth dos Santos, Aruna Pinto, Tássio José, Ribeiro de Castro, Davis de Castro, Mário Moutinho e Constância Lopes. A encenação tem a parceria do Shopping Xyami e conta com um parque de diversões para as famílias.

De acordo com o encenador Tony Frampênio, “O Diário das Fabulosas” é um projecto inovador pela originalidade e pela pertinência, visto que não é fácil vermos actividades artísticas (lúdicas) para as crianças, adolescentes e demais membros de família. “O espectáculo vai ser um diferencial que esperamos que as famílias gostem, no sentido de frequentarem mais as salas de teatro”, apelou.

Para a mentora do projecto, Neide Van-Dúnem, a encenação da peça é um trabalho que tem sido desenvolvido desde 2021, e que hoje pode-se dizer que é realidade a exibição da obra, como um espectáculo musical, com temas inéditos interpretados pelos actores, com dança e diversões em palco. “O conteúdo é educativo, com várias histórias, sendo o tema muito relevante – que é o ‘bullying’ nas escolas”.

A autora considerou a peça como uma festa para as famílias angolanas, por sua vez, o coreógrafo e actor  Tássio José, trabalhar com crianças e adolescentes afigura-se muito complicado. “Tenho habilidade em conseguir observar o potencial nas pessoas, a maioria delas não tem experiência em dança, mas estão a dançar, estão engajadas no grupo e para mim está a ser uma experiência maravilhosa”.

Para divulgação do projecto, foi realizada, ontem, uma conferência de imprensa na qual foram apresentados os participantes da peça, tendo as actrizes afirmado que estão a viver um velho sonho que hoje é concretizado, ao fazerem parte do universo das artes.

A peça, entre outros objectivos atende a demanda de crianças e adolescentes cujo sonho visa descobrir, explorar, e valorizar talentos artísticos, além do contínuo auxílio aos pais no resgate de valores morais, protecção e educação dos adolescentes, criando conteúdos e modelos de inspiração adequados às diversas faixas etárias.

Historial da peça

O espectáculo retrata várias histórias de jovens alunos, como uma criança que goste de estar no centro das atenções na sala de aula. Uma kudurista não esconde nada, encara tudo cara-a-cara, apesar de não se expressar em condições, e as acções de um outro estudante, que gosta de criar tumultos na escola. Outros alunos tentam contrariar a disciplina imposta pela directora da escola, Dona Jumbo, que tem o papel de mãe com a finalidade de primar pela boa conduta na instituição para que os alunos, no futuro, possam   estar bem inseridos na sociedade.

Por causa da indisciplina, a directora da escola impõe castigos  aos desobedientes das normas da escola.

Criado em 2015, a produtora Mentes Fabulosas tinha como foco trabalhos sociais. Anos depois, passou a investir na área de teatro, realizando eventos culturais, com o maior destaque para as produções das peças “Elas não precisam de Homens”, em 2020, um espectáculo com a bilheteira esgotada quatro dias antes da estreia e o mega espectáculo de teatro, “Belas e Perigosas”, neste ano, que teve três sessões no Centro de Conferências de Belas (CCB), em Luanda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.