Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Aprovadas cinco substituições por jogo

A possibilidade de cinco substituições num jogo de futebol, em vez de apenas três, uma ideia introduzida durante a pandemia da Covid-19, foi, esta segunga-feira, “validada definitivamente” pelo IFAB.

Nas conclusões da reunião, o presidente da FIFA, Gianni Infantino, disse também que continua a ser “avaliado” um sistema de detecção semi-automático do fora de jogo, que o organismo gostaria de ver implementado no Mundial’2022, entre 21 de Novembro e 18 de Dezembro.

Nos estádios, seriam colocadas 10 a 12 câmaras na parte superior do recinto, que serviriam para acompanhar os jogadores e ajudar os árbitros em dois aspectos do fora do jogo, o momento em que a bola é passada ou tocada, e a posição dos jogadores em relação à linha limite virtual.

Infantino adiantou que a avaliação tem sido “muito satisfatória”, mas que serão os especialistas da FIFA a decidir se o sistema irá avançar ou não para o Mundial no Qatar, embora exista muita “confiança” de que isso aconteça.

Outras questões que saíram da reunião têm a ver com a decisão do IFAB em aumentar o número máximo de  suplentes na folha de jogo, que passam de 12 a 15, mas com o critério final a pertencer aos organizadores das competições.

Já em relação às cinco substituições, em Outubro de 2021 o órgão tinha deixado nas ‘mãos’ de cada competição a escolha em manter ou não as cinco alterações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.