Rádio Nova 102.5 FM

Rádio Online

Primeiro lote de material para as eleições já no país

O primeiro lote de material destinado ao apoio das eleições gerais de Agosto próximo chegou, ontem, ao país proveniente do Reino de Espanha. Trata-se de cerca de 50 toneladas de material eleitoral não sensível, entre kits de formação para os membros das assembleias e mesas de voto e os banners de identificação dos locais onde poderão ocorrer as eleições.

O material foi recebido pelo presidente da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), Manuel Pereira da Silva, na presença dos comissários eleitorais.
Em declarações à imprensa, após a recepção do primeiro lote, Manuel Pereira da Silva referiu que este passo simboliza o início “da grande maratona” e está enquadrado na “chamada festa da democracia”.

“Nós anunciamos, a 26 de Maio, por altura da entrega das novas instalações da CNE, pelo Presidente da República, que iniciaríamos, nos próximos dias, com a recepção do material eleitoral que vai suportar o pleito de 24 de Agosto próximo”, ressaltou.

O presidente da CNE disse que o restante do material eleitoral vai chegar ao país até 8 de Agosto, transportado por nove a 11 voos de ligação directa de Espanha para Luanda.

A uma pergunta se aquela instituição tem as condições criadas para conduzir, sem sobressalto, o processo organizacional das eleições, Manuel Pereira da Silva assegurou que, da parte do Plenário da CNE, os prazos estão todos controlados e a serem cumpridos, no rigor, quer com as empresas prestadoras de serviço, quer com os pagamentos.

“Não há nenhum constrangimento”, garantiu. Anunciou, por outro lado, que os primeiros ciclos de formação terão início, em princípio, a 13 de Junho, com os agentes de Educação Cívica Eleitoral.

O primeiro lote de material eleitoral foi transportado por um avião da TAAG, companhia de bandeira nacional, que se fez à pista do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro por volta das 14h00. Elaboração do mapeamento

Na cerimónia de inauguração do novo edifício da CNE, baptizado com o nome de Margaret Anstee, antiga representante especial do Secretário-Geral das Nações Unidas em Angola, Manuel Pereira da Silva deu a conhecer que estão já em curso, também, os trabalhos relativos à elaboração do mapeamento definitivo das assembleias e mesas de voto e a produção dos cadernos eleitorais.
“O processo preparatório para as eleições gerais entrou, neste momento, em velocidade cruzeiro”, salientou, na altura.   CNE lança hoje Campanha de Educação Cívica Eleitoral

A Comissão Nacional Eleitoral vai proceder, hoje, a partir das 8h00, em Luanda, ao lançamento da Campanha de Educação Cívica Eleitoral das eleições gerais de 24 de Agosto.

Uma nota da instituição dá conta que a cerimónia, a ser orientada pelo presidente da CNE, Manuel Pereira da Silva, vai ter lugar no auditório do Palácio da Justiça.

O documento refere que a Campanha de Educação Cívica Eleitoral tem como objectivo esclarecer os cidadãos eleitores e a população, em geral, sobre as diferentes fases da campanha, promover a inclusão social, informar os eleitores sobre a data, os locais e as mesas das assembleias de voto, bem como o horário de votação.

Vão participar neste evento membros da CNE, presidentes das Comissões Provinciais Eleitorais e outros altos responsáveis da instituição.

A cerimónia vai contar, ainda, de acordo com a nota, com a presença de membros do Executivo, presidentes do tribunais Constitucional e Supremo, corpo diplomático acreditado no país, entidades eclesiásticas, organizações da sociedade civil e imprensa. Tal como realçou o responsável máximo da CNE, este é mais um passo importante nesta “grande maratona” da festa da democracia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.